Cascavel desperdiça oportunidades e fica no empate com Caxias


Já classificado para a próxima fase da Série D, o Cascavel teve muitas oportunidades para sair do Estádio Centenário com a vitória, mas parou na trave e no goleiro Marcelo Pitol, e ficou no empate em 1 a 1 com o Caxias. O confronto deste sábado (21), válido pela 12ª rodada, deixou o time paranaense com 24 pontos, ainda na liderança do Grupo A8. Já os donos da casa chegaram a 14 pontos.

O jogo

A primeira boa chegada foi do Cascavel, aos 11 minutos. João Pedro arriscou de fora da área e Marcelo Pitol espalmou. Carlos Henrique tentou chegar para aproveitar o rebote, mas o goleiro do Caxias conseguiu se recuperar a tempo de evitar o gol.

Apesar de o Cascavel ter mais a posse, foi o Caxias que abriu o placar, aos 22 minutos. Depois de uma saída errada de Lucas, o time da casa recuperou a bola com Diogo Oliveira que tocou na medida para Michel. O camisa 9 ajeitou para a canhota e bateu firme no canto direito do goleiro Ricardo para fazer o primeiro da partida.

O Cascavel chegou a empatar aos 36 minutos, mas a arbitragem assinalou impedimento correto de João Pedro. No contra-ataque, foi a vez de o Caxias ter um gol anulado também por condição irregular de seu atacante, após chute forte de fora da área que Ricardo espalmou.

Aos 41 minutos, o Cascavel deixou tudo igual. Robinho lançou para Willian Simões, que tocou para Carlos Henrique, sozinho, empurrar a bola para o fundo do gol.

O Caxias teve a primeira chance do segundo tempo. Aos 7 minutos, Michel recebeu pela esquerda e tentou de cobertura, mas o goleiro Ricardo salvou. O jogo ficou morno até os 29 minutos, quando o Cascavel passou a pressionar. João Pedro cruzou para Carlos Henrique, que subiu na pequena área, mas acabou cabeceando por cima do gol.

Dois minutos depois, Vinícius quase fez o segundo. Ele avançou pela esquerda, cortou para dentro e bateu de cobertura. A bola passou tirando tinta da trave do Caxias. Aos 34 minutos, Vinícius teve nova oportunidade. O goleiro Marcelo Pitol desviou cruzamento nos pés do camisa 21. Ele finalizou de perna direita, a bola desviou na zaga e só não entrou porque Rafael Lima salvou em cima da linha.

A equipe paranaense seguiu na pressão e só não marcou porque a trave salvou. Mais uma boa jogada de Vinícius, que tocou para trás e Gama chegou batendo. A bola bateu no travessão e foi pela linha de fundo. O Caxias só respondeu aos 43 minutos, após cobrança de escanteio que Matheuzinho cabeceou com perigo.

Aos 46 minutos a virada dos visitantes só não ocorreu porque Marcelo Pitol operou um milagre. Robinho cobrou falta pela direita no ângulo. O goleiro se esticou todo, desviou, e a bola ainda bateu no travessão antes de ser afastada pela zaga. No último lance da partida, Willian teve a chance da vitória. Ele recebeu dentro da pequena área e finalizou, de perna esquerda, no pé da trave direita de Pitol, perdendo um gol inacreditável.

Na próxima rodada, o Cascavel recebe o Marcílio Dias, no sábado (28), às 15h, no estádio Olímpico Regional. Já o Caxias enfrenta o Rio Branco no domingo (29), às 15h, no Leão da Estradinha.



EBC

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram